Luto: Kobe Bryant e mais oito pessoas morrem em acidente

A estrela de NBA, Kobe Bryant, deslocava-se para um jogo de basquetebol quando o helicóptero no qual viajava caiu. Filha do jogador entre as outras oito vítimas mortais.

Dados do FlightRadar 24 mostra o percurso do helicóptero que partiu do Aeroporto John Wayne, em Santa Ana, até ao local da queda, em Calabasas, killing all on board. Créditos: Daily News

No domingo, dia 26, foi dado o alarme para a queda do helicóptero Sikorsky S-76 em Calabasas, na Califórnia (Estados Unidos). No interior do aparelho viajavam, entre outras pessoas, o ex-jogador da NBA, Kobe Bryant, considerado uma lenda do basquetebol americano, e a sua filha de 13 anos, Gianna, que desejava jogar na competição feminina, WNBA. Recentemente, ambos foram vistos num jogo desta modalidade.

Além destas duas vítimas, é ainda de registar a perda do treinador de basebol do Orange Coast College (OCC) Pirate Athletics de 56 anos, John Altobelli, a sua mulher Keri e uma das filhas, Alyssa, colega de equipa de Gianna. O técnico que contava com mais de 700 vitórias na sua carreira e que, na época anterior, conduziu a sua equipa ao campeonato estadual de basebol preparava-se para iniciar a 28ª época ao serviço dos Pirate. O seu nome esteve associado ao prémio para treinador do ano em 2019 – ABCA/Diamond National Coach of the Year – pela American Baseball Coaches Association (ABCA).

De acordo com o Sheriff de Los Angeles, Alex Villanueva, são nove as vítimas mortais deste acidente. Para além do piloto, Ara Zobayan, morreram Sarah Chester e a sua filha Payton, colega de equipa de Gianna e Alyssa. A outra vítima trata-se de Christina Mauser, treinadora adjunta da equipa feminina de basquetebol da Harbor Day School no Condado de Orange, na California.


Imagens do local do acidente. Créditos: Denver7 – The Denver Channel 

Comunicações entre o helicóptero (N72EX) e a torre de controlo Créditos: G Cars Culture

As causas para a queda do helicóptero com destino à Mamba Sports Academy estão a ser investigadas, no entanto, o nevoeiro e consequente visibilidade reduzida, é apontada como causa mais provável. De acordo com a ESPN, o piloto esteve em contacto com a torre de controlo do aeroporto de Burbank segundos antes do impacto. A National Transportation Safety Board (NSTB) enviou de imediato uma equipa de investigação, pelo que o relatório preliminar deve estar concluído nos próximos 10 dias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O acidente ocorreu no dia seguinte a LeBron James, atual jogador dos LA Lakers, ultrapassar Kobe Bryant em número de pontos marcados na NBA, facto que remeteu Kobe para a quarta posição na lista de melhores marcadores da história da NBA, com 33.643 pontos. Assim, LeBron James fecha o pódio com um registo de 33.655 pontos, apenas atrás de Kareem Abdul-Jabbar (38.387) e Karl Malone (36.928). De referir a atitude de Kobe Bryant que de imediato congratulou Lebron através de um tweet.

Lebron James e Kobe Bryant num jogo All-Star  Créditos: Lance

Percurso de Kobe Bryant

O eterno número 8 e 24 dos LA Lakers viveu desde cedo ligado ao basquetebol e à fama. Kobe Bryant viveu em Itália, durante seis anos, com os seus pais, Joe e Pam Bryant, visto que Joe também era jogador profissional de basquetebol.

De regresso aos Estados Unidos, e ainda na High Merion High School de Filadélfia, superou todos os recordes de pontuações possíveis no sudeste da Pensilvânia, o que captou as atenções de equipas da NBA. Chegou a assinar pelos Charlotte Hornets. Em 1996/97 começa a jogar ao serviço dos LA Lakers e, na época seguinte, com apenas 18 anos, participa no seu primeiro de dezoito jogos All-Star. Fora da quadra, em 1998, ganha o prémio Adolescente do Ano pela Rolling Stone EUA.

Nova York, 8 fevereiro: Kobe Bryant #8 – 1998 NBA All-Star Game – Copyright 1998 NBAE (Photo by Andrew D. Bernstein/NBAE via Getty Images)

A entrada no novo século trouxe ao jovem Bryant o primeiro troféu da NBA em 2000, e completou o triplete com dois troféus alcançados em 2000/01 e na época seguinte. Foram necessários sete anos até erguer de novo o troféu, mas aconteceu em dose dupla. Em 2009 e 2010, os Lakers foram campeões.

Kobe Bryant foi selecionado para a equipa do ano por 15 vezes, All-NBA team, e constou por 12 vezes na lista de jogadores All-NBA Defensive Team selection. Além disso, recebeu por duas vezes o prémio de jogador mais valioso das finais, NBA Finals MVP e ainda, em 2008, o prémio de jogador mais valioso da época 2007/08, ou seja, 2008 NBA MVP. A lista termina com duas medalhas de ouro olímpicas pela equipa Olímpica dos Estados Unidos em 2008 e 2012, respetivamente.

Kobe Bryant e os troféus dos campeonatos conquistados pelos Lakers. Créditos: Reuters

Para além dos prémios e títulos na vertente desportiva, Kobe Bryant venceu um Oscar – 2018 Academy Award for best animated short film – pela sua participação no filme “Dear Basketball: The Legend of Kobe Bryant”.

O percurso de 20 anos de amarelo e roxo vestido terminou em 2016 no jogo frente aos Utah Jazz. Kobe Bryant retirou-se do basquetebol profissional com 60 pontos marcados, quatro assistências e quatro rebounds.

Resumo do jogo de despedida de Kobe Bryant, 13-04-2016, Créditos: iKobeSilvan24

 

Diogo Metelo

Publicado a

Comentários fechados em Luto: Kobe Bryant e mais oito pessoas morrem em acidente